Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

Foi Desta que Consegui Ir à Natação

Desde o Natal que andava assim um bocadinho para o desesperada porque ainda não tinha conseguido fazer um treino como deve ser, para me livrar de uma vez por todas das asneiras da Consoada (e dias que se seguiram). Lá fui fazendo uns exercícios em casa, mas não me convenciam; não pude sair para correr porque aqui na terrinha é só gente coscuvilheira à janela, o que me faz perder logo a vontade toda (ai, que saudades de Braga!); e para piorar a situação, as piscinas estiveram fechadas TODA esta semana! Isso é lá coisa que se admita! Até dou um desconto assim nos dias de Natal, mas o resto já é abusar, que há quem tenha comido que nem uma lontra e precise de compensar... Agora indignação à parte, tanto insisti em aparecer à porta das piscinas todas as manhãs que hoje lá tive sorte e aquilo estava aberto! Depois dos pulinhos de alegria (para aquecer) lá me entretive por ali uma boa parte da manhã. Cheguei a casa toda contente, a sentir-me bem comigo mesma quando a mãe larga a bomba: Comprei petit gateau para o Ano Novo, o que achas? Eu? Eu sei lá o que acho... Vou só ali fazer uns agachamentos e já te digo...

Uma Vénia...

...ao meu Carocha! Pode não ser o VW mais comum, mas não deixa de ser (na minha opinião nada tendenciosa) o mais bonito. E ao que parece, tem uma vantagem com que eu nunca sonhei, mas que sem dúvida deve passar a ser uma condição importantíssima na futura escolha de um carro. 

ax2QKZb_700b.jpg

Agora, da próxima vez que ouvirem uma ameaça de bomba nuclear não se virem logo para mim que não sou a única pessoa com um VW!

O Chocolate (In)Finito

 

 

Lembram-se daquela notícia de há uns tempos que nos aterrorizou a todos ao sugerir que o chocolate estaria a acabar (culpa dos chineses, claro!)? Pois eu não entrei em pânico porque estava plenamente confiante que a) o chocolate não estava nada a acabar, o que querem é aumentar-lhe o preço e por-nos todos a dieta; e b) o truque que a seguir vos apresento funcionaria na perfeição e salvar-nos-ia de tal catástrofe.

CR_815836_willy_wonka.jpg

De acordo com este truque, que me foi apresentado por uma colega que (se possível) gosta ainda mais de chocolate do que eu, seria possível pegar numa tablete de chocolate, parti-la, tirar um quadradinho e depois jogar com os pedacinhos até que a tablete ficasse de novo intacta. Pois hoje, na minha ronda diária pela Internet, deparei-me com uma notícia chocante: afinal o truque milagroso não passa de uma fraude!aVQ4YPv_700b.jpg

Segundo as provas apresentadas, a tablete vai ficando sucessivamente mais pequena, à medida que se vão tirando quadradinhos, até que acaba por desaparecer! Que ultrage! Agora estou irritada, acho que vou ali comprar chocolate para ver se me acalmo...

 

 

 

Para a Próxima Vou de Carro

aOyNMQN_460s.jpg

Para adicionar à lista de coisas a ter em conta antes de andar de avião: a possibilidade de o piloto se fartar a meio e decidir ir apanhar ar. Não sei se já referi vezes suficientes no blog, mas se tivesse que escolher uma grande paixão seria Londres. Já lá fui vezes sem conta, já fui só por um fim-de-semana ou por um mês inteiro e continuo a não me cansar. Quando decido ir dar uma vista de olhos às promoções das agências de viagens não resisto a espreitar Londres. Adoro tudo, desde os meses de Verão aos dias de Inverno, não me importo minimamente com o nevoeiro permanente, nem com o frio, nem com o trânsito caótico. Adoro a organização da cidade, a educação das pessoas (que parecem sempre várias vezes mais civilizadas e prestáveis). Adoro a atmosfera, o ambiente, as luzes, o cheiro, o barulho. Podia passar toda a minha vida naquele lugar e nunca me fartar... Mas agora que a minha lista de motivos para pensar duas vezes antes de me enfiar numa caixa de metal com asas está a crescer, acho que para a próxima vou de carro...

 

Também foi Natal por aí?

a9MZZNL_700b.jpg

Daquelas coisas que nos caem em cima sabe-se lá bem como. E depois não há forma de continuar a fazer scroll e fazer de conta que nunca vimos, que esta não é a realidade de um povo inteiro. Não é assim tão longe, mas nós queremos acreditar que sim. Afinal de contas, não chega cá o barulho das explosões, não precisamos de ir para a cama com medo de acordar com um buraco na parede do quarto. O grande problema de andar na rua por estes lados é levar com os encontrões daquelas pessoas que insistem em carregar mais sacos de compras do que é humanamente possível (e provavelmente legalmente permitido), não temos que nos preocupar em sermos apanhados na confusão de um bombista suicida. Não há perigo de entrar na escola e vermo-nos no meio de um massacre... E quando chega o Natal, é Natal e pronto. Não há crise que não resolva com umas compras à última hora. E é por isso que nos esquecemos que se calhar ali ao lado não foi Natal... foi só um dia que passou e dão-se graças por se ter sobrevivido a ele.

 

 

Domingo é Dia de House

547535_413852455296444_964125020_n.jpg

Domingo é dia de descanso, dia de ficar na cama até a mãe gritar que já são horas de almoço, andar de pijama o dia todo (quero lá saber se podem entrar pessoas em casa, Domingo é o meu dia do pijama!), mandar a dieta às favas e comer metade daquele bolo de chocolate ao lanche... E claro, dia de preguiça que é dia de preguiça nunca fica completo sem uma maratona de uma série qualquer. Hoje decidi-me pelo House, que é aquela coisa que se pode sempre ver sem culpa porque, se alguém perguntar porque é que estamos deitados no sofá em frente à televisão, podemos responder que House é uma excelente ferramenta de estudo! Ninguém imagina a imensidão de coisas que se aprende!

Going to Hell for This

ae3P4Bp_700b.jpg

 

É que eu até sou menina de ir à missa ao Domingo, aguentei na catequese até ao fim e ainda me lembro das orações que a minha avó me ensinou. Mas devo ter-me perdido em algum momento da minha vida, porque hoje deparei-me com isto e não consegui evitar... Estou aqui a controlar-me para não ir mostrar a toda a gente, porque não tenho a certeza se é aceitável, principalmente tão perto do Natal.

 

All Super Heroes Are Beautiful

aVQgPX2_700b - Cópia - Cópia (6).jpg

aVQgPX2_700b - Cópia - Cópia (7).jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

aVQgPX2_700b - Cópia - Cópia (8).jpg

aVQgPX2_700b - Cópia - Cópia (9).jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

aVQgPX2_700b - Cópia.jpg

aVQgPX2_700b.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Não consegui pensar em nada mais adequado para um post pós-Natal. Quero, no entanto, deixar bem claro que hoje tentei ir à piscina, para ver se me livrava de pelo menos um décimo daquilo que acumulei estes dias, mas estava fechada. Assim sendo, voltei para casa, fiz uma mini rotina de exercícios matinais e sentei-me no sofá com dois Ferrero Rocher. 

Pág. 1/4