Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

Harry Potter Challenge - Day 26

What Effect Does Harry Potter Made On Your life And How Much Does It Mean To You

Esta é a última pergunta do desafio, e acho que por esta altura já está mais do que respondida. Tenho uma grande obcessão por tudo o que envolva o universo Harry Potter: já li os livros mais vezes do que consigo contar, já fiz maratonas de filmes, li inúmeras fan fictions, tenho conta (bastante activa) no Pottermore, estou sempre à procura de coisas novas, desde novidades da J. K. Rowling, novos livros, novas declarações, o meu feed do Facebook e Tumblr está constantemente inundado com páginas de fãs, estou sempre atenta a novos produtos, desde camisolas, porta-chaves, canecas, cachecóis, bijuteria, canetas... Não deixo nada de fora. E acho que qualquer fã do Harry Potter é exactamente assim, é isso que nos distingue, somos obcessivos, dedicados, completamente apaixonados. Acompanhámos a história durante tanto tempo que acabamos por nos sentir como parte dela, como parte daquele mundo. Pessoalmente, Harry Potter foi a minha infância, a minha adolescência, e há-de continuar a ser uma parte muito importante do resto da minha vida. Porque Harry Potter é isso mesmo: marca-nos de forma completamente irreversível, não importa quanto tempo passe. 

14 Anos da Minha Mais-que-Tudo

Ontem a boneca cá de casa completou 14 Primaveras. 14, e mesmo assim continua (e há-de continuar sempre) a ser a minha bebé: só ela me faria meter-me no carro e fazer a viagem de volta a casa numa semana em que tenho tanto para fazer e tão pouco tempo. Mas é assim, por ela tudo se faz. 

Cheguei a casa já ao fim da tarde, por isso pus logo mãos à obra para fazer o bolo de aniversário. É uma pequena tradição de família fazer-se o bolo em casa, em vez de o comprar. Acontece que eu não sou grande espingarda nisto, por isso tinha que ser uma coisa simples. Acabei por me decidir por um bolo de chocolate seco, daqueles tipo da avó, que barrei com Nutela por cima e no meio. Depois decorei com Kit Kat, morangos, pintarolas e gomas, que um dia não são dias e ela merece!

20150928_231021.jpg

Escusado será dizer que adorou! O jantar, esse sim, foi no restaurante preferido da moça. Anda sempre a pedir para lá ir, mas a disponibilidade no dia-a-dia raramente o permite. Mais uma vez, ontem todos fizeram um sacrifício para lhe fazer a vontade. E ela estava tão feliz que não resistimos a fazer do espaço do restaurante à beira-ria o nosso spot de sessão fotográfica. A felicidade dela era verdadeiramente contagiante!

20150928_192944.jpg

20150928_193045.jpg

 

De volta a casa depois do jantar, era hora de abrir as prendas, cantar (mais uma vez) os parabéns e partir o bolo. Escusado será dizer que estava ansiosa! Eu tinha-lhe comprado coisas super simples mas que sabia que a iam fazer delirar: uma caixinha de Feijões Todos os Sabores da Bertie Boots e três livros (''Quiditch Através dos Tempos'', ''Fantásticos Monstros e Onde os Encontrar'' e ''Contos de Beedle, o Bardo'' todos da J.K. Rowling) que foram o complemento perfeito aos presentes de uma amiga que lhe ofereceu uma almofada com um estampado de Hogwarts e uma caneca ''Don't Let The Muggles Get You Down''. 

20150928_233219.jpg

 

Era a imagem de uma miúda verdadeiramente feliz!

Mas com os excessos de ontem, hoje era obrigatório compensar por isso o dia começou com um treino redobrado. Não tive tempo de ir ao ginásio, por isso contentei-me com uma hora de cardio na passadeira, em casa. Amanhã volto aos treinos de musculação para corrigir de vez os estragos!

20150929_093023.jpg

 

Mas como tudo na vida deve ser feito com equilíbrio, hoje ainda tive direito a uma fatia de bolo (que estava tão booommm!) para o lanche. É a última, a única que trouxe comigo para a viagem de volta para a faculdade. O resto ficou em casa e não estou a contar que sobreviva até ao fim-de-semana!

20150929_104429.jpg

 

Domingos Assim

Adoro Domingos passados assim: em família! Juntas na cozinha a inventar, a sujar tudo, adicionar ingredientes e ignorar completamente a receita . No fim acabamos sempre com uma grande confusão para limpar, mas o que realmente importa são os laços que ficam cada vez mais fortes e as recordações que se criam a partir destes momentos tão pequeninos. 

(E um tabuleiro cheio de coisas boas, claro!)

20150927_122606.jpg

20150927_122723.jpg20150927_122455.jpg

 

20150927_123215.jpg

20150927_123446.jpg

20150927_133054.jpg

20150927_145920.jpg

 

E como tudo o que é bom tem sempre que acabar, à tarde há mais do mesmo: livros, cadernos, lápis, marcadores, folhas espalhadas por todo o lado... mas desta vez com um miminho especial para acompanhar o café! 

Sabe tão bem!

Quem dá Mais?

Há muitas conversas inocentes que aqui em casa acabam por se tornar em discussões acesas porque todos temos pontos de vista extremamente diferentes e personalidades pouco dadas a ficar calado e deixar andar. Hoje foi um desses casos. Já não me lembro como começou (nunca me lembro!), mas sei que o assunto principal acabou por se desviar para qualquer coisa nesta linha: é preciso dar valor a quem dá mais. A quem dá mais. Certo. Mas o que raio é ''dar''? Porque eu acho que esse é um conceito importante e que se está a perder cada vez mais. Para mim, que tenho 20 anos e ainda sou nova nestas andanças da vida, dar é dar, sem esperar nada em troca. Quando se dá e se fica à espera que retribuam o favor, então não se está a dar absolutamente nada. Está a vendar, a trocar, a emprestar, o que quiser, mas não está a dar. Vamos clarificar isto de uma vez por todas, porque senão não passamos de uma cambada de hipócritas.

Outra coisa que me faz muita comichão é o valor daquilo que se dá. Diziam-me que tinha que dar mais valor a quem me dá mais. Oranão podia estar mais de acordo! Mas estamos concretamente a falar de duas pessoas da família, que vivem longe: uma que me dá 20 euros por ano e me telefona todos os dias para me mimar, tem sempre uma palavra pronta para me animar, é assim aquela pessoa que me faz sentir aconhegada seja a que hora do dia for. E depois a outra pessoa, que puxa de uma nota de 50 euros sempre que me vê e não tem qualquer relevância na minha vida. Pronto, é isto. E hoje fui criticada por dar mais valor à pessoa dos 20 euros do que à dos 50. Por lhe dar mais atenção, por lhe telefonar mais vezes, por lhe mostrar que é importante para mim.

Como disse, ainda tenho muito para aprender, mas não acho que este seja um desses casos. Dou ao dinheiro o valor e a importância que ele tem, mas nunca mais do que os afectos. E acredito mesmo que o facto de não haver muita gente a pensar assim seja um dos motivos pelo qual o Mundo se está a desmoronar. 

Harry Potter Challenge - Day 25

Did You Enjoy A Very Potter Musical?

Lembro-me de ter visto o musical pela primeira vez no Youtube, dividido em várias partes. Era muito nova, na altura mal sabia mexer no Youtube e a Internet não tinha a velocidade que tem hoje por isso pus os vídeos todos a carregar de manhã, não deixei ninguém tocar no computador o dia todo e à noite, a rezar para que nenhum dos vídeos tivesse encravado, lá fui ver A Very Potter Musical. Adorei! Principalmente as piadas privadas e as referências subtis aos livros, que pela primeira vez me fizeram sentir verdadeiramente parte deste grupo de gente doida obcecada pelo Harry Potter. 

 

P.S.: Agora que se fala no assunto, há muito tempo que não revejo o musical, e este post abriu-me o apetite...

 

Às Vezes Tenho Preguiça de Ser Perfecionista

Este fim-de-semana deu-me para fazer algo que já não fazia há muito tempo: mudar o template aqui do sítio. Acontece que agora algumas imagens estão um bocadinho desformatadas. E dizer que estão ''um bocadinho desformatadas'' é o eufemismo do século. Mas eu nunca fui muito boa nisto de arranjar as imagens do blog, não tenho jeito, não sei fazer, e por isso estou com preguiça de ir arranjar todos os posts que ficaram agora desformatados. Por isso fica assim. Pronto, paciência.

Regresso às Aulas

Por aqui as aulas já começaram no início do mês, mas a pimpolha mais nova teve mais sorte e só começa esta segunda-feira. O que significa que teve mais do que tempo para pensar e repensar a escolha do material escolar.

Quando a levei às compras disse-me assim: Mana, este ano quero cadernos de capa preta. Ah? Capa preta? Estamos a falar da miúda que tem uma tendência natural para escolher os padrões mais psicodélicos e as cores mais vibrantes, daquelas capazes de nos provocar uma dor de cabeça se nos atrevermos a olhar durante demasiado tempo! Por isso não liguei, ignorei-a. Mostrei-lhe os cadernos mais giros, as capas mais fofas... nada! Queria cadernos de capa preta. Ponto! Perante isto, lá acabei por desistir e ela levou a dela avante.

Este fim-de-semana, quando lhe perguntei se já tinha o material todo pronto respondeu-me logo que sim e fez questão de me ir mostrar. Escusado será dizer que não encontrei nada remotamente parecido com  o que tinha trazido da loja!

WIN_20150919_140639.JPG

WIN_20150919_140707.JPG

WIN_20150919_140738.JPG

WIN_20150919_140751.JPG

WIN_20150919_140835.JPG

WIN_20150919_140911.JPG

WIN_20150919_140933.JPG

WIN_20150919_142346.JPG

 

Desenhou os cadernos todos com imagens inspiradas no Harry Potter, e na contracapa escreveu todas as citações a que conseguiu deitar a mão! E como se não bastasse, ainda pegou em duas canetas e transformou-as em varinhas mágicas.

Eu sei que sou suspeita, mas cheira-me que tenho uma artista em casa... e das boas!

 

Harry Potter Challenge - Day 24

Would You Rather Own The Invisibility Cloak, The Resurrection Stone or The Elder Wand

Esta pergunta estava respondida há muito tempo! Desde que li o livro pela primeira vez! Quer dizer, por muito que deva ser giro brincar com a Varinha ou com a Pedra, nada se compara ao Manto! NADA! Há todo um mundo de possibilidades que de repente fica ao nosso alcance se tivermos o manto... Fico tão entusiasmada ao pensar nisto que nem consigo escrever mais nada!

Pág. 1/2