Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

Sexta-feira (muito) negra

Isto de ser permitido fazer compras sem sair da cama não é das melhores coisas para a minha carteira. Em contrapartida, é óptimo para a minha sanidade mental, que só de imaginar a balbúrdia que deve ter sido andar hoje pelo Braga Parque até me dá uma coisinha má!

Alerta Pijama Fofo

Comprei um pijama tão fofo, tão fofo, tão fofo, que achei que todo o mundo o devia ver... mas não o encontro na loja online nem por nada. Não existe.

E como sou boa pessoa e desejo o melhor para aqueles que me leem, vou poupar-vos a uma foto de moi même com o dito pijama vestido.

Mas fica aqui a nota, registada para a posterioridade: comprei o pijama mais fofo de sempre!

Saga das Compras Inúteis

Desde que me conheço que tenho uma paixão desmesurada por material escolar/material de escritório. Adoro tudo! Entrar numa papelaria é para mim o equivalente ao paraíso na Terra! Juntando isso ao meu pouco auto-controlo, acabo inevitavelmente por acumular uma variedade de coisas nunca usadas nas gavetas da secretária. Desta vez andava atrás de um clip quando descobri não um, não dois, mas três caderninhos completamente novos (um deles ainda com o plástico!). O problema destes bloquinhos é que parecem sempre super amorosos nas lojas mas depois não têm grande utilidade, principalmente para mim, que prefiro cadernos grandes para escrever. Outra questão é que são tão fofos que me sinto sempre mal de cada vez que vou para escrever qualquer coisa neles... parece que os estou a estragar!

Vá-se lá perceber!

702883_987080804704458_634737203_n.jpg

 

Parem de inventar!

Capturar.PNG

Então uma pessoa leva tanto tempo a habituar-se às skinny jeans, a andar ali toda apertadinha e arriscar-se a ter problemas de circulação e tantas outras coisas para agora virem dizer que afinal estas já não prestam, queremos é de volta as calças mais largas. Ora, eu agora estava confortável! Agora não me apetecia lá muito mudar!

Mas primeiro vieram as calças estilo boyfriend... nunca foi muito a minha praia por isso fechei os olhos e deixei passar. Depois foi ver as calças à boa de sino a aparecerem por todo o lado como se fossem cogumelos... não tenho pernas de dois metros, por isso também é coisa que dispenso com facilidade. Mas agora a coisa parece ter pegado em força! Nas coleções da nova estação as skinny jeans estão mais do que mortas e enterradas! Eu vou continuar a usar, claro, até porque acho que é o estilo de calças que me assenta melhor, mas senti-me um bocadinho na obrigação de ir espreitar alternativas.Capturarh.PNG

Continuo a não achar muita piada a calças sem forma nenhuma, não me caem minimamente bem e, sinceramente, ainda estou para ver uma pessoa que saia favorecida com este corte. Mas fiquei surpreendida  por gostar mais ou menos (digamos um 6 numa escala de 0 a 10) destas mais escuras da Levis. Acho que são um bom intermédio, umas calças de transição. Mas não nos iludamos! Continuam a não ser calças para assentar bem a toda a gente: é preciso um bom rabo (que elas realçam o rabo até dizer chega!), é preciso umas boas coxas, uma boa proporção anca-cintura. E como se não bastasse, não vão bem com qualquer camisola nem com qualquer calçado nem com qualquer casaco. Por isso, se vamos apostar em força nestas calças, seria bom começar a pensar em renovar todo o guarda-roupa!

Aceitam-se donativos.

Livros 'For Dummies'... só vantagens!

Descobri recentemente este livro: Anatomia e Fisiologia for Dummies. Veio um bocadinho tarde, porque já fiz estas cadeiras, mas não pude ficar indiferente ao facto de existir um livro (que custa menos de trinta euros!) com o qual poderia ter feito alegremente metade do meu curso! 

E como fiquei também fascinada com o preço, pus-me a fazer contas para ver quanto teria poupado se tivesse usado este livro em vez dos da bibliografia recomendada, que podem parecer muitos mas foram todos precisos numa altura ou noutra. Ora, contas feitas, teria poupado cerca de 1050 euros! Fiquei parva!*

 

*E mais teria ficado se tivesse, de facto, gasto dinheiro nos livros... não gastei. É dar graças a Deus por a biblioteca da faculdade estar bem guarnecida!

Capturar.PNG

Capturarh.PNG

 

Pim Pam Pum... E agora qual escolho?

Fui hoje ao Braga Parque com o único objectivo de levantar umas encomendas, mas acabei metida num grande sarilho. Como não tinha as horas contadas, acabei por me perder um bocadinho a ver as novidades... e dizer ''perder um bocadinho'' é o eufemismo do século!

Fartei-me de vestir e despir roupa, de cada vez que estava quase a sair da loja via qualquer coisa que me agradava e lá ia eu outra vez para o provador! Apontei mentalmente tudo o que tinha gostado e tratei logo de enviar à minha mãe, convencidíssima de que ia ter aprovação imediata. Mas não. Recebo de volta uma mensagem a perguntar: ''Qual queres?'' Ora, que raio de pergunta é essa? Se eu envio trinta peças é porque quero as trinta peças, não ando aqui a enviar coisas à toa! Não colou. O veredicto foi escolher uma peça e deixar as outras para depois. E como o que tem que ser tem muita força, optei pelo blusão e despedi-me a muito custo dos restantes, não sem antes lhes prometer que, no que depender de mim, nos voltaremos a ver muito em breve!

Alguma ideia sobre o que devo escolher a seguir?

Capturar2.PNG

Capturar1.PNG

Capturar.PNG

 

*Tudo da Zara, excepto o lenço e o blusão, ambos da Stradivarius. 

 

 

O que eu gosto de botas!

Só na última semana comprei quatro pares de botas. Mas caaaalma, que eu não ganhei o Euromilhões! Comprei-os a vinte euros. Vinte euros os quatro. Cinco euros cada par. E não, não são horríveis, e a qualidade, não sendo excelente, é boa. Tive foi a sorte de apanhar a loja em liquidação total, porque ia mudar de instalações (by the way, nunca percebi isto de as lojas terem que se ver livres de tudo antes de mudarem de sítio...). Já tenho comprado lá muita coisa e gosto muito, por isso não tive receio pelo preço ser tão baixo. Fui lá num dia e trouxe dois pares. No dia seguinte não resisti e trouxe outros dois. Ainda fiquei a namorar uns sapatos... pode ser que lá passe outra vez. Tenho é que me despachar, que a notícia espalhou-se e os números desaparecem a voar!

Por agora, estou mesmo é apaixonada por estas da Zara. Acho que mesmo que todas as botas do Mundo estivessem a cinco euros, nenhumas me fariam esquecer estas belezas!

O preço é que é um bocadinho diferente... 70 euros. 

Capturar.PNG