Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

City Lights

Aluna da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts (e de Medicina, nos tempos livres)

Uma Coisa Chamada Fitness Blender

Como podem ver no post anterior a semana passada foi pautada por alguns (bastantes) excessos, por isso esta minha nova descoberta veio mesmo a calhar! Trata-se de uma coisinha maravilhosa chamada Fitness Blender. É um site totalmente gratuito e que me pareceu caído do céu quando me foi apresentado por uma colega. Parece que é uma coisa já bastante conhecida, mas para os que forem tão distraídos como eu, fica a dica!

Capturar.PNG

Capturar1.PNG

Capturar2.PNG

O site permite escolher imensas variáveis de treino, incluindo o tempo, o objectivo de calorias a gastar, o nível de dificuldade, o local do corpo a trabalhar, entre tantos outros. A variedade é inacreditável e há realmente treinos para toda a gente, deste pilates a tabata. Deixa de haver a desculpa do ''Ah, não tenho tempo para ir ao ginásio'' ou mesmo uma que já ouvi ''No local onde vivo não dá para ir treinar para a rua''. Com esta ferramenta, não precisamos de sair de casa, não precisamos de qualquer material ou equipamento, e nem sequer precisamos de dispor de muito tempo livre: há vídeos de 15 minutos!

 

Capturar3.PNG

 

O site também tem disponível um motor de busca de receitas saudáveis (ainda não tive oportunidade de experimentar a maior parte, mas parece-me bastante promissor), programas de treino para imprimir e um mundo de artigos sobre tudo e mais alguma coisa.

Vale mesmo a pena perder um bocadinho de tempo a explorar porque, até agora, é sem dúvida a ferramenta online mais completa que encontrei.

E resulta, gente!

Vamos Falar de Gordos e Magros?

Considerem isto um desabafo pessoal, porque também tenho direito a fazê-los de vez em quando.

Nunca fui magra: na escola nunca fui Olivia Palito, nunca fui daquelas meninas de pernas muito fininhas, sem barriga, sem gordura que se visse. Mas também nunca fui gorda. Era uma miúda normal. Na puberdade aumentei de peso, mas foi coisa que não durou muito: em pouco tempo as mamas passaram para metade, a anca que tinha triplicado voltou ao tamanho normal, consegui voltar a enfiar o rabo em calças de tamanho aceitável. Em suma, voltei a ser uma miúda normal. Nunca serei top model, mas também nunca foi essa a minha intenção. Treino e como bem para ter um corpo bonito e saudável, e principalmente para não morrer aos trinta anos com um enfarte, não para corresponder a um determinado estereótipo. 

O grande problema aqui é que sou baixa. Tenho pouco mais de metro e meio e isso, aliado ao facto de não ter um peso considerável e ter uma estrutura mais ou menos esguia, faz-me sempre parecer mais pequena do que realmente sou. E é por isso que ouço constantemente as pessoas a mandarem-me comer mais. Para crescer.

Ora vamos lá ver uma coisa: se até esta idade não cresci, não vai ser agora que isso vai acontecer. Comer dois pratos cheios não me vai fazer aumentar vinte centímetros à altura. No entanto, talvez aumente bastante à largura.

E é isso que as pessoas têm que começar a perceber. Chega de criticar os outros pelo tipo de corpo que têm, principalmente se é algo que não podem mudar. Há quem não consiga engordar, quem não consiga emagrecer, e ouvir constantemente comentários depreciativos em relação a uma coisa que por si só já nos atormenta, não é propriamente uma ajuda à auto-estima. Nunca tive problemas com a minha imagem, rio-me quando me dizem que pareço mais nova e digo que é bom que assim seja sempre. Mas há uma altura em que as piadas deixam de ter piada, e começam a irritar: Come mais um bocadinho, que a tua irmã está maior do que tu! Só mais uma colherzinha para deixar de ser ver esses ossos. Se tivesses mais uns quilinhos essa saia ficava-te melhor!

Não é assim que funciona gente. Nunca ninguém ficou melhor por ser criticado com frequência, e não é por insistirem muito que isso vai mudar!

Quem Quer Ser Como a Gisele?

Estava a desfrutar da minha manhã pela Internet quando me deparo com esta capa da Vogue Brasil. 

 

Fiquei para lá de horrorizada. Que a moça é um esqueleto andante toda a gente sabe, tudo bem, mas pelo menos nas produções fotográficas sempre a fizeram parecer minimamente jeitosa, assim de forma a que não se parecesse demasiado com aqueles modelos das aulas de Anatomia. Por isso não sei mesmo o que passou pela cabeça da gente da Vogue para acharem boa ideia pôr esta foto na capa. Sou uma leiga nestas coisas, mas não consigo achar bonito, não é estético, não é artístico, não é nada que justifique uma capa da Vogue. 

Se é esta a ideia de saúde e de beleza, então vou ali e já venho. Qualquer pessoa que sofra ou tenha sofrido de distúrbios alimentares já se olhou ao espelho e se viu assim. E odiou. Eu já estive assim. Não tinha o rabo tão jeitoso, é certo, mas a barriga e as costas eram assim, tal e qual. E era horrível, chorei muito por me sentir feia, corcunda, sem jeito nenhum! Por isso perdoem-me, mas dizer que ''Gisele Bündchen espalha sensualidade na capa da Vogue'' para mim é uma ofensa e de muito mau gosto.

No Ginásio Uma Semana Depois

Fui ao ginásio depois de uma semana a molengar e quando cheguei lá pareceu-me que já nem sabia mexer nas maquinetas, nem onde estavam os pesos, e agora onde é que anda a bola de pilates, ai os tapetes estão daquele lado, deixa lá ver qual era o peso que eu costumava usar... Enfim, um pesadelo! Só espero que ninguém tenha reparado, uma pessoa só aguenta um determinado nível de vergonha...

Londoner Workout

Vocês sabem que eu ando sempre à procura de novos exercícios para tornar o meu tempo no ginásio mais rentável e consideravelmente mais divertido. Desta vez dei com esta sequência no blog The Londoner e achei tão engraçado que tive que ir a correr experimentar. E tenho a dizer que está mais do que aprovado, tanto que passou a fazer parte da minha rotina habitual... pelo menos até encontrar outros mais giros!

 

Saliva de Lagarto Versão Dietética

Boas notícias para quem trava um luta diária e completamente infrutífera contra a vontade de comer! Se, como eu, dão por vocês todos os santos dias a controlarem-se para não comer o pacote inteiro das bolachas e deixar algumas para amanhã, ou para não comprar aquela tablet Milka que ainda por cima está em promoção, ou mesmo para não assaltarem o frigorífico de cinco em cinco minutos nos dias antes do exame com a desculpa de que estão a estudar e o cérebro precisa de energia, então esta é a inovação de que estavam à espera! Ao que parece, uns senhores da Universidade de Gotemburgo cansaram-se das velhas investigações sobre o cancro, ou como conseguir a eterna juventude, e dedicaram-se a descobrir uma forma de uma pessoa deixar de pensar em comida a toda a hora. E não é que conseguiram? A resposta é, aparentemente, a milagrosa saliva de lagarto, que reduz o apetite.

Leiam lá a notícia aqui.

E assim vos deixo, com a resposta às nossas preces!

P.S.: quando esta tarde eu, muito entusiasmada, mostrei isto às minhas colegas, elas menesprezaram esta fantástica descoberta dizendo: ''Que grande coisa! A mim, qualquer tipo de cuspo me tira o apetite!'' Mas não se deixem desmotivar por esta gente tão pessimista, é desta que a dieta vai funcionar!

Work Out Like a Supermodel

Não, não tenho por objectivo tornar-me numa super modelo. Por muito que tenha que admitir que aqueles corpinhos até vinham a calhar (quer dizer, se viessem aqui bater à porta quem é que ia dizer que não?), a minha altura seria uma séria limitação a esta missão de ser top model. Realmente, modelos de 1.50m só mesmo num universo paralelo! Mas devaneios à parte, só falei nisto porque encontrei outra pérola nesta coisa de ir ao ginásio e não me aborrecer com os mesmos exercícios todos os dias. Anadava eu a procrastinar pela Vogue, quando me deparei com rotinas de exercícios a la Karlie Kloss e seu maravilhoso personal trainer. Como sou tão boa pessoa, merecedora de um Prémio Nobel e afins, deixo-vos aqui o meu fabuloso achado:

Aquecimento e Alongamentos

Braços

Pernas

Glúteos

Abdominais

 

Divirtam-se!

karlie-arms-1.jpg

karlie-butt-4.jpg

karlie-core-1.jpg

karlie-stretch-5.jpg

PS: Lembram-se das bolachinhas húngaras de ontem? Hoje houve repetição, daí a minha consciência pesada me obrigar a publicar este post.

 

Foi Desta que Consegui Ir à Natação

Desde o Natal que andava assim um bocadinho para o desesperada porque ainda não tinha conseguido fazer um treino como deve ser, para me livrar de uma vez por todas das asneiras da Consoada (e dias que se seguiram). Lá fui fazendo uns exercícios em casa, mas não me convenciam; não pude sair para correr porque aqui na terrinha é só gente coscuvilheira à janela, o que me faz perder logo a vontade toda (ai, que saudades de Braga!); e para piorar a situação, as piscinas estiveram fechadas TODA esta semana! Isso é lá coisa que se admita! Até dou um desconto assim nos dias de Natal, mas o resto já é abusar, que há quem tenha comido que nem uma lontra e precise de compensar... Agora indignação à parte, tanto insisti em aparecer à porta das piscinas todas as manhãs que hoje lá tive sorte e aquilo estava aberto! Depois dos pulinhos de alegria (para aquecer) lá me entretive por ali uma boa parte da manhã. Cheguei a casa toda contente, a sentir-me bem comigo mesma quando a mãe larga a bomba: Comprei petit gateau para o Ano Novo, o que achas? Eu? Eu sei lá o que acho... Vou só ali fazer uns agachamentos e já te digo...

Missão: Chegamos a Janeiro e Ainda me Consigo Enfiar nas Calças de Ganga

 

Encontrei a resposta às minhas preces e achei por mim partilhá-la com o Mundo. Dá pelo sugestivo nome de ''Exercise Finder'' e pode ser encontrada em: http://www.divine.ca/en/health/exercise-finder/c_266

Não é mais do que um site que, de acordo com a parte do corpo a trabalhar, fornece um número infinito de exercícios que se podem fazer em qualquer lado. Literalmente. É daquelas coisas a que eu recorro quando estou de férias e sem vontadinha nenhuma de tirar o pijama para ir ao ginásio. E em tempos de crise, que é como quem diz, em tempos de chocolates, bolos, tartes, queijos e doces sem fim, este site pareceu-me de facto uma dádiva vinda do céu. Foi como o Deus Menino ainda por nascer a sussurrar-me ao ouvido: Esquece lá as bolachinhas de canela por 5 segundos e faz alguma coisa da vida para ver se não chegas a Janeiro com mais 10kg em cima! E eu, menina obediente, ouvi e encetei uma aprofundada pesquisa no Google em busca de exercícios que não implicassem ter que me afastar em demasia do frigorífico...